O que eu penso sobre os últimos dias

Einstein disse que "nós não podemos resolver os nossos problemas com o mesmo pensamento que usamos quando os criamos."

Competição, individualismo, crescimento infinito, preconceito, busca incessante por poder e grana. Isso criou o país (e sociedade) que a gente vive hoje e hoje isso é aplaudido como a solução para o mesmo.

Troque o presidente quantas vezes precisar. coloque qualquer pessoa lá em cima. As coisas não vão mudar (ok as coisas podem até mudar um tiquinho mas no todo todo acho que não). Vai ter crise de novo daqui 5 anos. Vai ter corrupção. Vai ter golpe de novo no futuro. Vai ter disputa de partidos pelo poder. Vai ter desigualdade. O problema está no sistema, não no partido ou na pessoa.

Maaaaas, obviamente, o sistema é esperto e não aceita fácil que as coisas mudem. E quando um governo balança um pouco a estrutura - se preocupa com pessoas, diminui um pouco a desigualdade, permite investigações -, ele volta a se mexer.

Pra mim o impeachment foi isso. O sistema usando suas garras para se reerguer. Para restabelecer o 'status quo' que ele tanto precisa pra se manter vivo.

Não acho que o PT é a solução, mas que ele abalou a estrutura, isso eu tenho certeza. E por isso estou triste pelo domingo que passou. Por mais que eu não goste desse sistema, ver alguém que mexeu um pouco na estrutura tomar essa rasteira dói.

"Ah, mas e a roubalheira?". A roubalheira faz parte do sistema. Ela vai continuar existindo não importa quem esteja lá. Não sou ingênuo de pensar que é diferente. Esse é o único jeito do sistema funcionar. O engraçado é que essa mesma roubalheira que o sistema usa para se manter vivo é usada como motivo para que ele possa agir e restabelecer a ordem.

O sistema é malucão.

E a transformação dele passa por uma mudança muito maior. Passa pela nossa mudança, como pessoas e como sociedade. Enquanto for cada um por si pensando em seus próprios benefícios e todos querendo crescer infinitamente em um mundo finito, vai faltar, vai ser competitivo, vai ter que existir disputa de poder, uns vão ganhar para outros perder.

Enquanto a gente der combustível pra esse sistema, ele vai continuar fazendo aquilo que sabe fazer. Logo, concordo com o Einstein.

Repensar nossos valores, repensar essa democracia, repensar como atuamos na nossa cidade, bairro, rua, casa. De cabeça ainda muito quente (acho que vai demorar pra essa deprê passar) isso é o que me vem a mente: continuar fazendo política diariamente através das minhas atitudes para deixar esse sistema obsoleto.

Posso estar falando bobagem, mas geralmente desabafos não seguem muito a lógica, pois vem da emoção e não da razão. Se algo não faz sentido vamos conversar.

E se tem um filme que passa pela minha cabeça desde o início dessa treta do impeachment, é "network". Ele fala sobre um âncora que começa a falar a verdade na tv. Deixo uma parte pra vocês, acho ele genial.

‪#‎vaidar‬
Amo vocês <3